Apresentação

A Cidade dos Direitos da Criança e do Adolescente é um espaço de integração e mobilização da sociedade, no marco da 9ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, que se propõe a reproduzir de maneira interativa e não formal uma minicidade composta por instituições, programas, áreas de convivência e expressão democrática, equipamentos de promoção e defesa dos direitos humanos de crianças e adolescentesque integram o Sistema de Garantia de Direitos.


Estarão representados na Cidade dos Direitos da Criança e do Adolescente:

 
Prefeitura da Cidade dos Direitos Plenarinho - Espaço Legislativo
Casa dos Direitos Casa dos Conselhos: Tutelar e de Direitos
Escola Cidadã Estação Educomunicação
Estação da Justiça e Cidadania: Defensoria, Juizado, Promotoria e Delegacia Especializada da Criança e do Adolescente. Espaço do SINASE
Disque 100 Praça dos Direitos
Espaço Sustentabilidade Praça Esporte, Lazer e Energia
Arena Roda Vida Espaço Cultura e Diversidade


A estratégia pedagógica da Cidade dos Direitos da Criança e do Adolescente será consolidada em torno de uma estrutura arquitetônica organizada, de mais de 4.000 m² (quatro mil metros quadrados) no Centro de Convenções de Brasília, mesmo local onde acontece a 9ª Conferência. Estão sendo esperados aproximadamente 3.000 visitantes - crianças e adolescentes estudantes da rede de ensino e de programas e projetos sociais de Brasília e entorno, além de contar com a participação dos mais de 2.500participantes da 9ª Conferência.


A Cidade dos Direitos foi organizada para representar os conceitos preconizados nos direitos fundamentais declarados no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), contando com diferentes espaços interativos, onde acontecerão rodas de debates, atividades lúdicas, oficinas e atividades educativas e culturais. Todos os ambientes da cidade e sua metodologia atendem aos critérios de acessibilidade para pessoas com deficiência e o seu funcionamento articula-se de forma transversal com práticas de sustentabilidade ambiental e direitos humanos.